Seguidores

GENTE BONITA

Aos Amigos Poetas
No mundo das palavras soltamos nossos sentimentos. Amamos somos amados, somos amantes apaixonantes e apaixonados. Somos um pouco de tudo e temos um pouco de todos.
- Autoria: Rica Almada

Translate

Pesquisar este blog

Carregando...

sábado, 29 de novembro de 2014

SEDENTA DE TI

Quero     que    chegue    me     olhe   me    toque,  não     quero  palavras inventadas,  prefiro   sussurro  do   momento.   Quero que   chegue,  olhe, deseje, toque  e me possua. Quero o  gosto  do  desejo  que vem  da   alma  em    forma    de    calor,  suor,     tremores   e   emoção.Venha como se fosse um foragido  procurando um abrigo  e se  esconda dentro e mim.            *Prosa Poética de nº. 74. (Sedenta de ti)*    Autoria:  Rica Almada Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98
http://perfumeedesejo.blogspot.com/2014/11/sesenta-de-ti.html
Quero     que    chegue    me     olhe   me    toque,  não     quero  palavras inventadas,  prefiro   sussurro  do   momento.   Quero que   chegue,  olhe, deseje, toque  e me possua. Quero o  gosto  do  desejo  que vem  da   alma  em    forma    de    calor,  suor,     tremores   e   emoção.Venha como se fosse um foragido  procurando um abrigo  e se  esconda
dentro e mim.
          
*Prosa Poética de nº. 74. (Sedenta de ti)*   
Autoria:  Rica Almada
Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98

sábado, 22 de novembro de 2014

AME SEM MEDO.

De todos os seus sonhos e desejos não relados, o amor, sentimento que temos e  supera quaisquer outros..., é sublime. Doe-se sem reservas, Não faça com que algo tão lindo, torne-se sujo por este medo que oprime. Ame e se deixe amar. *Prosa Poética de nº. 73 . *(Amor Sem Medo.)* Autoria: Rica Almada Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98
http://perfumeedesejo.blogspot.com/2014/11/ame-sem-medo.html

De todos os seus sonhos e desejos não relados, o amor, sentimento que temos e  supera quaisquer outros..., é sublime. Doe-se sem reservas, Não faça com que algo tão lindo, torne-se sujo por este medo que oprime. Ame e se deixe amar.

*Prosa Poética de nº. 73 . *(Amor Sem Medo.)*
Autoria: Rica Almada
Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

AMOR, SEDUÇÃO E ENTREGA...

Video Youtube YAJINA Texto: Rica Almada
http://perfumeedesejo.blogspot.com/2014/11/amor-seducao-e-entrega.html

O desejo; o amor; a paixão; a entrega..., complemento, bem querencia de estar junto, sentir o suor que exala vontades... Sentir-se plena saciando o desejo. O amor existe; a sedução é simplesmente querer envolver e ser envolvida. Mas creia! A paixão mostra-se com loucura; a união dos corpos, completam-se de forma sublime.
*Prosa Poética de nº. 72 . *(Amor, Sedução e Entrega.)*
Autoria: Rica Almada
Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98


quarta-feira, 19 de novembro de 2014

CARINHO E RESPEITO A TODOS...

 Amigos, membros, leitores e seguidores... Faz tempo, não arrumei um tempo para dar um tempo de atenção a vocês. O tempo voou, e não percebi por quanto tempo afastei-me. Neste caso, o tempo não serviu de remédio. Mostrou-me, que a ausência de tempo deixou-me um bom tempo sem compartilhar, trocar experiências e sem comunicar-me com vocês. Hoje tirei um tempo para dizer que o tempo fez-me sentir saudades de todos... Mostrou-me que não posso ficar tanto tempo sem tempo. Pois neste meio tempo, todos continuaram fazendo parte de mim. Que bom ainda ter tempo! Muito mais importante! Não posso perder tanto tempo para expressar carinho e respeito por todos vocês. Abraços iluminados e obrigada por me esperar.  - Por Rica Almada - nº. 71 . *(Carinho e Respeito a Todos...)* Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98
http://perfumeedesejo.blogspot.com/2014/11/carinho-e-respeito-todos.html

Amigos, membros, leitores e seguidores... Faz tempo, não arrumei um tempo para dar um tempo de atenção a vocês. O tempo voou, e não percebi por quanto tempo afastei-me. Neste caso, o tempo não serviu de remédio. Mostrou-me, que a ausência de tempo deixou-me um bom tempo sem compartilhar, trocar experiências e sem comunicar-me com vocês. Hoje tirei um tempo para dizer que o tempo fez-me sentir saudades de todos... Mostrou-me que não posso ficar tanto tempo sem tempo. Pois neste meio tempo, todos continuaram fazendo parte de mim. Que bom ainda ter tempo! Muito mais importante! Não posso perder tanto tempo para expressar carinho e respeito por todos vocês. Abraços iluminados e obrigada por me esperar. 
- Por Rica Almada - nº. 71 . *(Carinho e Respeito a Todos...)*
Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

BRILHO NO OLHAR

Quero ser atrevida no olhar; envolver-me   com vontade de  querer, e sem a  palavra não  para os desejos. Mereço perder o fôlego; ter brilho no  olhar; sentir o corpo  leve; dá gargalhadas dos momentos e  deles  também poder chorar de prazer. Hoje quero mudança.  Pois, o desejo refletiu e a solidão desencantou-se de mim.   *nº. 70 . *(Brilho No Olhar)* Autoria: Rica Almada Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98
 http://perfumeedesejo.blogspot.com/2014/08/brilho-no-olhar.html

Quero mudança, poder saborear  de coisas que  tragam o diferente e nele me refazer. Saudade do quê?! Amadureci ouvindo  rótulos e mereço descanso de tudo. Quero abrir  a janela e sorrir, deixar leveza do vento refrescar a alma. Meu corpo pede arrego de tanto sossego, minha mente pede liberdade. Quero ser atrevida no olhar; envolver-me   com vontade de  querer, e sem a  palavra não  para os desejos. Mereço perder o fôlego; ter brilho no  olhar; sentir o corpo  leve; dá gargalhadas dos momentos e  deles  também poder chorar de prazer. Hoje quero mudança.  Pois, o desejo refletiu nos olhos, e a solidão desencantou-se de mim. 

*nº. 70 . *(Brilho No Olhar)*
Autoria: Rica Almada
Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98

domingo, 27 de julho de 2014

SINTO MUITO!!!

Te olhei, chamei e busquei tua atenção. Olhastes, respondestes; mas não percebestes que aquele momento era de pura sedução. Nada mais importava! Só queria que enxergasse o desejo de você. Sinto muito! Mas, não por mim! Amar, querer, desejar..., isto vem da entrega sincera e do amor sem mascara. Sinto muito! Mais uma vez! não por mim. Pena! Busquei tua atenção, e não conseguistes tirar a venda dos olhos.  *nº. 68 . *(Sinto Muito)* Autoria: Rica Almada Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98
http://perfumeedesejo.blogspot.com/2014/07/sinto-muito.html
Te olhei, chamei e busquei tua atenção. Olhastes, respondestes; mas não percebestes que aquele momento era de pura sedução. Nada mais importava! Só queria que enxergasse o desejo de você. Sinto muito! Mas, não por mim! Amar, querer, desejar..., isto vem da entrega sincera e do amor sem mascara. Sinto muito! Mais uma vez! Não por mim. Pena! Busquei tua atenção, e não conseguistes tirar a venda dos olhos.

*nº. 68 . *(Sinto Muito)*
Autoria: Rica Almada
Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98

sábado, 26 de julho de 2014

INTENSO.

Os momentos; as gargalhadas; os choros; todas experiências..., Tudo valeu! Desde a sinceridade, até a hipocrisia. Crescemos com o amor e com dor. Assim como a rosa e o espinho. Quem floriu?! Quem machucou?! Não importa mais..., Com a intensidade de tudo que vivemos; valeu o crescimento. E mesmo assim! Seremos sempre rosa e espinho em outros jardins.    *nº. 67 . *(Intenso)* Autoria: Rica Almada Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98
http://perfumeedesejo.blogspot.com/2014/07/intenso.html

Os momentos; as gargalhadas; os choros; todas experiências..., Tudo valeu! Desde a sinceridade, até a hipocrisia. Crescemos com o amor e com dor. Assim como a rosa e o espinho. Quem floriu?! Quem machucou?! Não importa mais..., Com a intensidade de tudo que vivemos; valeu o crescimento. E mesmo assim! Seremos sempre rosa e espinho em outros jardins.  

*nº. 67 . *(Intenso)*

Autoria: Rica Almada
Direitos Autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/98